quinta-feira, 5 de maio de 2016

CONSEGUIMOS! APROVADO POR UNANIMIDADE REQUERIMENTO DE AUDIÊNCIA PÚBLICA

Na noite desta quarta-feira (04) estudantes e professores do USJ – Centro Universitário Municipal de São José ocuparam novamente a Câmara Municipal de São José em defesa do Curso de Ciências da Religião. Os estudantes e professores conseguiram êxito na primeira vitória contra o retrocesso que está em andamento no USJ: O fechamento do Curso de Ciências da Religião.

Leia o comunicado do Movimento Luta pelo Curso de Ciências da Religião - USJ

Amig@s,
Hoje foi um dia grandioso! Conseguimos a aprovação UNÂNIME da Audiência Pública para discutir a calamitosa situação do Curso de Ciências da Religião – CR, abandonado há tempos e que mais uma vez sofre a ameaça de encerramento.

Com o requerimento do Ver. Adriano de Britto conseguimos colocar em pauta a convocação para a audiência e hoje, com a anuência de todos os vereadores, conseguimos garantir o direito de esclarecer, de debater, de democraticamente apontar os sucessivos desmandos que levaram o curso a estar em luta e paralisação hoje.

Nessa audiência estarão presentes:
Dr. Juarez Perfeito, Reitor da USJ;
- Prof. Ana Crisitina Oliveira da Silva Hoffmann, Superintendente da FUNDESJ;
- José Carlos da Silva, Coordenador do Curso de Ciências da Religião;
- Daniela da Silva Fraga, Secretária Municipal de Educação;
- Ana Maria Laguna Schütz, Presidente do Conselho Municipal de Educação;
- Osvaldino Ramos, Presidente do Conselho Estadual de Educação;
- Valdenésio Aducci Mendes, Representante do Corpo Docente da USJ;
- Fernanda Mariana Ribeiro, Representando o Corpo Discente;
- Prof. Telmo Pedro Vieira, Pós Doutor em Sociologia da Religião. E o mais importante: a comunidade!

As falas dos vereadores Clony Capistrano, Sanderson de Jesus, Amauri dos Projetos, Adriano de Britto e a anuência dos demais nos reanimam na batalha. Ficamos feliz em perceber que não apenas nós nos espantamos com a alegação de que 37 aprovados (sim, são 37) não é quórum para abertura de turma. Ficamos felizes em perceber que não somos os únicos a fazer a leitura de que o encerramento de um curso (mesmo que sob a improvável alegação de abertura de outros) significa enfraquecer a instituição que é da comunidade josefense. É da comunidade josefense! E a Câmara Municipal entendeu isso... Toda decisão que impacte tanto no cenário da educação municipal (e nesse caso regional) precisa ser debatida, democraticamente posta à prova. Nenhuma decisão autocrática ficará impune. Ficamos felizes pela oportunidade de levar à público aquilo com o que temos convivido há anos. Era o que queríamos.

Pedimos o apoio de toda a comunidade acadêmica e de todo o povo de São José. Pedimos a todos que cultivem a democracia e estejam presentes na audiência no dia 10 de maio na Câmara Municipal de São José. É a oportunidade de entender o impacto gravíssimo se o intento de encerramento de CR for mantido. De conhecer a educação com a qual sonhamos, de refletir sobre qual futuro estamos desenhando com nossas ações no presente.


Quem se prepara para pensar desenvolvendo análise crítica sonha com o debate, porque nele se sente em casa. Estamos em casa (na nossa casa) e coisas grandiosas estão por vir!

Foto: Gláucia Schmitt

Recomendado para você